Loja Style Me – Moda Feminina e Acessórios Estilosos

Moda Feminina. Elegância ao seu alcance…


Deixe um comentário

Truques de styling para bombar suas redes sociais

Olá, meninas!

Provavelmente todas vocês, ou pelo menos a maior parte, está presente nas redes sociais, principalmente no Instagram. Estou errada? Só que, com o crescimento do uso desses sites e aplicativos, nós estamos sempre em busca de mais curtidas e comentários em nossas fotos, o que muitas vezes se torna até um vício. Obviamente, não podemos deixar que isso se torne uma doença, mas existem sim maneiras de aumentar as curtidas no seu Instagram. Foi feito um estudo com 7,6 milhões de imagens publicadas no Flickr e no Instagram que mostraram que alguns tons rendem mais likes do que outros, alguns looks fazem mais sucesso do que outros e por aí vai.

 

 

 

 

Segundo o estudo, a cor azul é a que rende mais likes em fotos nas redes sociais, seja ele no look da pessoa da foto, quanto na paisagem ou até no tom de luminosidade da imagem. Como essa é a cor do céu e do mar, não vai ser difícil conseguir uma foto incrível. Já para o visual, procure peças com um azul mais fechado, como o marinho, para contrastar ainda mais com outros tons de azul da paisagem. Outra cor que tem recebido destaque é a queridinha dos últimos tempos: rosa millennial. Esse rosa puxado para um tom pastel tem brilhado nas redes tanto nos looks como nos acessórios e ambientes.

 

 

 

Além de tons que rendem mais sucesso no Instagram, existem alguns truques de styling que também podem ajudar a ganhar mais likes. Normalmente, as tendências mais recentes e populares são as que se destacam mais, junto com aqueles looks super elegantes. Então, por que não apostar em um visual monocromático com tons de bege nesse inverno? O estilo que parece que você entrou em uma lata de tinta é uma tendência bastante atual e já que estamos no inverno, dá para fazer uso de peças finas como blazers, casacos e calças clochard.

 

 

Outra tendência super em alta nas redes sociais é a sobreposição. Não é de hoje que já ouvimos esse termo no mundo da moda e ele não cansa de ser o queridinho das blogueiras e it-girls pelo mundo. Uma peça ótima para montar esse look são os slip dresses, aqueles vestidos que mais parecem com uma camisola. Você pode colocar uma blusa de manga comprida por baixo e pronto, conseguirá usar essa peça verão também no inverno. Porém, não podemos esquecer também da sobreposição com sutiãs bralettes, em que a lingerie se torna a peça principal do look.

 

 

 

 

 

 

E aí, prontas para bombar as fotos nas redes sociais?

Anúncios


Deixe um comentário

Slip Dress no inverno? Pode sim!

E aí, meninas!

Já está mais do que claro para todo mundo que o slip dress chegou há uns dois anos para o verão 2017 e simplesmente caiu no gosto de grande parte das mulheres. A peça, na verdade, surgiu nos anos 90, quando atrizes hollywoodianas e modelos, como Kate Moss, passaram a usar o vestido larguinho, de alça fina e que mais se parecia com uma camisola, nos mais diversos eventos, desde o street style e até em tapetes vermelhos. A ideia de hoje continua a mesma, o slip dress continua sendo super versátil e pode se adaptar à praticamente todas as ocasiões. E antes que perguntem, sim, ele pode e deve ser usado no inverno! Como ele pode ser usado de mil e uma maneiras, ele pode também ser adaptado ao frio!

 

 

 

 

A opção mais fácil e mais usada é a sobreposição do slip dress com uma blusa de frio. Pode ser uma blusa de manga comprida simples, lisa, ou até mesmo estampada, mas se preocupe em escolher uma estampa que tenha em uma de suas cores, a cor escolhida para o vestido. Isso vai deixar o look harmonioso e super estiloso. Mas, a escolha da camisa não precisa ser focada só nas de malha, ainda mais no frio. Por que não uma blusa de tricot, ou até de lã, com gola alta para botar por baixo do slip dress? Tudo é possível com essa peça mega democrática!

 

Outra opção clássica para apostar no slip dress no inverno é com um blazer. E, repetindo a minha fala sobre a versatilidade do slip dress, ele pode ser usado com blazers de qualquer comprimento. Acredite, ele ficará harmonioso tanto com blazers mais curtos quanto com os mais longos. Como nesse inverno os cardigãs é que estão roubando a cena, eles podem também ser a alternativa perfeita para o look. Com esses visuais, você pode ir à diversos eventos, desde um jantar à noite, um coquetel, ou até para uma balada, dependendo da formalidade ou não do blazer.

Ainda nessa vibe de apostar em uma peça por cima do slip dress, não podemos esquecer das jaquetas. Como as jaquetas, seja de jeans, suede ou até de moletom, são mais descoladas, informais, normalmente esses looks ficam melhores para ocasiões durante o dia e que não peçam tanta elegância e sofisticação. Mas, se a sua intenção com a jaqueta é exatamente quebrar um pouco da delicadeza que o slip dress traz, principalmente na sua versão longa, você pensou perfeito! Para looks dias com o vestido longo, por exemplo, o melhor é realmente quebrar esse ar dele com uma jaqueta curta descolada por cima.

 

 

Já o vestido curto combina melhor com jaquetas mais compridas:

 

 

 

Agora uma alternativa menos usada, mas que tem começado a fazer sucesso no inverno de 2018 e apostar o slip dress com uma calça. Sim, com calça! Nesse caso, o slip dress atuaria como uma blusa longa no look e não como vestido. Até porque, quem é antenada em moda sabe que por um pequeno tempinho esse ano, tentaram popularizar a tendência do vestido, normalmente midi, com calça, mas não deu muito certo. Só que, com um slip dress curto, ele vira mais uma bata do que outra coisa. Por que não tentar? O resultado vai te surpreender!

 

 

 

E aí, gostaram das dicas?

Beijos,

www.lojastyleme.com.br


Deixe um comentário

Anos 80 e 90: a moda que nunca saiu de moda!

Olá, meninas!

Quem é antenada em moda sabe: tendências novas estão sempre aparecendo, mas tendências passadas também estão sempre voltando e se renovando. Por conta disso, praticamente todas as décadas são conhecidas por alguma moda que marcou a época, e elas voltam recorrentemente às ruas e passarelas com o passar dos anos.  A escolha da vez para o inverno de 2018 foram os anos 80 e 90. Décadas com estilos muito ecléticos e cheios de personalidade, a moda dessa época é marcada por muita cor, extravagância e confiança.

 

 

 

 

 

Uma característica bem forte dessas décadas eram as calças. Vários tipos de calças diferentes surgiram nessa época e muitas estão presentes na vida das mulheres até hoje. Uma delas é a calça clochard, aquele modelo que tem o quadril mais solto e vai apertando na perna. Outra calça bastante usada era a pantalona, ou flare. Essas calças mais longas e largas, super fluidas, dão um lindo movimento ao visual e apareciam tanto lisas como estampadas. Podem ser usadas nas mais diversas ocasiões para dar um super up ao look. Não podemos esquecer também das calças de cintura alta, peça obrigatória no guarda-roupa de toda garota da época, e das calças coloridas! Herança da época dos punks, as calças bem cheias de cor continuaram a ser moda na década de 80 e eram usadas com outras peças com ainda mais cor.

 

 

 

 

Como era uma época bem extravagante, as mulheres também abusavam bastante das várias camadas de roupa. Por conta disso, o blazer era uma peça bastante usada e que continua super atual. Nos anos 80, como as mulheres estavam conquistando seu lugar no mercado de trabalho, o blazer surgiu para, de certa forma, elas se igualarem aos homens. Mas a peça se popularizou e hoje faz parte de looks super informais e descolados. O blazer hoje pode ser usado até mesmo em looks de festa e elegantes para ajudar a se esquentar. Outra peça que tem essa mesma ideia de várias camadas é o colete. Nos anos 80, sobrepor o colete sobre uma camiseta ou até vestido era bastante comum, e continuou sendo assim durante a década seguinte também. Hoje eles voltaram às ruas, principalmente em alfaiataria, que dá ao look um ar mais formal e elegante.

 

 

Não podemos esquecer da moda grunge, típica dos anos 80 e 90, que teve influência das bandas de rock da época. O estilo, que também permanece até hoje, faz bastante uso de peças largas, com cores escuras e a clássica camisa xadrez amarrada na cintura. A estampa xadrez, inclusive, é outra tendência forte das décadas passadas. O xadrez era e ainda é encontrado em qualquer peça de roupa e pode ser facilmente combinado com outras roupas xadrez, ou peças lisas. Na época, uma das peças mais usadas era a mini saia xadrez. Era quase obrigatório o look da saia xadrez com meia calça, bota e camisa lisa para o inverno, e pode super ser usado ainda hoje.

 

E aí, vamos começar o momento nostalgia e apostar nessa tendência?


Deixe um comentário

O Segundo Sol: Se Inspira nos looks de cada personagem!

E aí, meninas!

Se tem uma coisa que une grande parte das brasileiras são as novelas, não concordam? Quando ela está no começo então, é o assunto mais falado por dias nos elevadores, almoços, encontros e até nas redes sociais. Sendo que, a influência dessas novelas é tão grande na vida de algumas pessoas, que muitos acabam a trazendo para a vida real, por meio de cortes de cabelo, cores de unha e até pelas roupas que as personagens usam. A novela que estreou mais recentemente e está dando o que falar nos looks escolhidos é a “Segundo Sol”, transmitida pela Rede Globo, às 21h. A história se passa na Bahia, e por isso as personagens são mulheres muitos fortes, femininas, arretadas e demonstram isso pelos seus modos de se vestirem.

A personagem principal, vivida pela atriz Giovanna Antonelli, já passou por duas diferentes fases na novela. A primeira, ela ainda era uma jovem simples, com uma baixa condição e que morava na beira de praia. Nessa etapa, seus looks eram bem básicos, sem muitos detalhes, mas com bastante decote e roupas que valorizassem o corpo da atriz. Assim como ela, outras personagens também caminham por esse estilo, com roupas frescas para aguentar o calor do Nordeste, e também enaltecendo a feminilidade. Entre elas, está a personagem Rosa, vivida pela atriz Letícia Colin, e que, já na nova fase da novela, vive uma garota de programa. Apesar do preconceito que há em torno das mulheres que seguem nesse trabalho, a personagem não utiliza roupas vulgares, mas sim peças que destaquem suas curvas.

Passados 18 anos entre a primeira e a segunda fase da novela, a maioria das personagens sofreram mudanças tanto no visual quanto no estilo. A mudança mais drástica foi justamente de Ariella, personagem da Giovanna Antonelli, que depois de fugir do país, volta com o nome de Luzia e com a aparência totalmente repaginada. Como ela se tornou uma DJ de grande sucesso fora do Brasil, ela reaparece com um look totalmente estiloso, moderno e jovial. A partir desse momento, ela troca suas roupas simples por peças diferentes, com mais detalhes e tendências super atuais. Uma das tendências mais utilizadas pela personagem é a da lingerie aparente. Em alta já há algumas estações, os sutiãs bralettes continuam fazendo sucesso e sendo o destaque de vários looks por aí. Nesse friozinho, a personagem Luzia aposta na lingerie aparente com um blazer ou com blusas transparentes de manga comprida por cima.

Outra tendência em alta em Segundo Sol é o street style. Tanto Luzia, quanto sua filha Manu, vivida por Luisa Arraes, são adeptas desse estilo, o que representa que, mesmo tendo passado tanto tempo separadas, elas ainda têm algum tipo de ligação. Nesse caso, as roupas mais larguinhas e confortáveis são grandes apostas, principalmente aquelas que parecem um pijama, mas na verdade podem fazer looks super estilosos. Outra personagem que tem se destacado pelos seus looks é Karola, vivida por Deborah Secco. Da primeira para a segunda fase, a personagem enriquece e apesar de continuar com peças sexys, com decotes e cortes que valorizasse suas curvas, passa a usar roupas mais sofisticadas.

Dentre as personagens da novela, qual tem o melhor estilo para você?

Beijos,

www.lojastyleme.com.br


Deixe um comentário

Looks inovadores no inverno com roupas de verão

Olá, meninas!

A gente que vive no Brasil, não está acostumado com muito frio, né? Óbvio que existem exceções como quem vive em cidades de serra ou no sul do país. Mas, ainda assim, o nosso frio está longe de ser como o de outros lugares do mundo, como Europa e América do Norte, e até em países da própria América do Sul. E o mês marcante para começar a ocorrer essa mudança de clima é justamente em maio, mês em que nós estamos. E agora, já podemos perceber que a temperatura deu uma diminuída e que está cada vez mais difícil montar looks com as roupas que estávamos acostumadas.

Uma alternativa para continuarmos usando roupas fresquinhas agora no outono, mas sem morrer de frio, é fazer uso das sobreposições. Quem nos acompanha sabe o quanto visuais com sobreposição estiveram em alta no último ano, e nesse outono/inverno não será diferente. Os slip dress serão os queridinhos desse estilo. Como eles são bem fresquinhos, normalmente decotados e com alças finas, a coisa mais fácil é preparar um look quentinho com ele. Basta colocar uma blusa de manga comprida por baixo, de uma cor que combine com o vestido. O mesmo é possível fazer com jardineiras e outros modelos de vestidos.

d52369a3676ab12918c155004033ab81

Vestido Slip Dress Veludo Curto

 

 

Vocês podem também apostar em peças que sejam feitas de tecidos mais quentinhos. Por exemplo, o veludo é uma malha comum, super em alta, e que ainda ajuda na hora de esquentar. Outro tecido que também tem esse mesmo papel, é o suede. Bem confortável e maleável, ele consegue produzir peças nos mais diferentes modelos, estilos e ainda é quentinho para aqueles dias meio termo. O couro também é uma opção clássica para temperaturas mais amenas, e ele pode aparecer no look em jaquetas, calças e até em vestidos.

 

Mesmo estando mais friozinho, as vezes temos alguns eventos que nós queremos usar uma peça específica, mesmo que não seja tão adequada ao clima do dia, não é mesmo? Vamos ser sinceras, é muito mais fácil achar roupas elegantes e estilosas sem mangas ou com detalhes que deixam a peça mais fresquinha. Mas vocês não precisam desistir da ideia de usar essas roupas especiais, ainda mais agora que o frio não está tão cruel ainda. Para isso, basta escolher um blazer, jaqueta ou até cardigã para colocar por cima do look. Uma dica é utilizar essa peça não só para se esquentar, mas também para ser o toque diferencial do visual. Pode ser o ponto de luz, com uma cor diferente ou até estampado para um visual ainda mais moderno.

 

 

 

 

Roupas com comprimentos maiores também são ótimas aliadas nesses dias de frio não tão extremo. Saias midi estão super atuais e como não deixam as pernas muito de fora, dão uma boa ajudada para ficar mais quentinha, além de proporcionarem looks bastante estilosos e modernos. Em relação às calças, qualquer modelo é bem-vindo em temperaturas mais amenas. As calças clochard e jogging são ótimas para qualquer horário e qualquer ocasião, já que são confortáveis e ainda têm o detalhe de serem mais justas na canela e são mais curtinhas. Outro tipo muito em alta são as calças com fendas, como a tracker ou a pantalona com fenda. Como elas só são abertas em parte, permitem um equilíbrio bom de nem ser tão fresca e nem tão quente.

 

 

Prontas para a chegada do friozinho?

Beijos,

www.lojastyleme.com.br


Deixe um comentário

Outono 2018: como montar looks para o friozinho!

Olá, meninas!

Demos adeus ao verão! Felicidade para umas, tristeza para outras, mas o fato é que, a partir de agora, o outono toma conta e traz um tempo mais ameno. É hora de começar a colocar as roupas muito fresquinhas para o fundo do armário, e trazer para a frente as blusas de manguinha, roupas com mangas ¾ e os casacos. Mas depois de tanto tempo usando o mínimo de peças de roupas possíveis, a gente nem se lembra mais de como formar looks com camadas, para passar por temperaturas mais frias, né? Pois podem ficar despreocupadas que vamos ajudar vocês a relembrar e ainda se manter na moda desse outono 2018!

 

 

 

 

 

Como vivemos em um país de clima tropical, nosso outono não é dos mais severos. Portanto, ainda não há a necessidade de tirarmos aqueles casacos super grossos do armário e dá até para aproveitarmos algumas peças do verão, combinando-as com peças mais quentinhas. Mas a opção mais fácil e rápida do outono, é usar roupas com mangas ¾. Como o comprimento dela não é nem muito pequeno, a ponto de te fazer sentir frio e nem muito comprido, a ponto de te fazer sentir calor, ela é perfeita para o tempo meio termo, clássico dessa estação.  

 

 

 

 

E naqueles dias que começam calor e depois ficam frios, ou quando no sol está uma temperatura agradável e na sombra mais friozinho? Uma alternativa é apostar em tecidos com transparências e aberturas em renda. Por exemplo, apostar em um macaquinho com mangas compridas, mas que permitam uma entradinha de ar para refrescar nos horários mais quentes. A mesma ideia serve para blusas, vestidos, macacões, aposte na manga transparente! 

 

 

 

Outra tática é escolher peças de mangas mais compridas, mas que tenham algum detalhe que dê uma quebrada na ideia de roupa de inverno. Por exemplo, blusas de manga comprida com os ombros vazados, vestidos de manga comprida com decote ombro a ombro, roupas estilo ciganinha, já facilitam bastante nessas temperaturas inconstantes do outono. Para quem prefere roupas mais clássicas, camisas sociais também são uma opção, já que elas podem ter as mangas dobradas ao longo do dia, e quando o friozinho bater, desdobrar a manga.  

 

 

 

 

Como no outono o frio ainda não é tão forte, ainda dá para usar roupas mais curtas como saias, vestidos e macaquinhos. Nesses casos, você pode optar por peças com tecidos mais quentinhos, aqueles tradicionais das estações mais frias, como veludo, couro e , por exemplo. Se precisar que esquente ainda mais, pode optar por acrescentar detalhes ao look, como uma meia calça, casacos e cardigãs.  

 

 

 

 

Em relação às tendências do outono, uma peça super em alta é o vestido chemise. Esse estilo lembra camisas sociais, pois, na maioria das vezes, tem botões e golas sociais. Esse estilo de vestido é perfeito para o outono pois também tem mangas ¾ e passam uma seriedade maior, por lembrarem as peças sociais. Outra tendência bastante em alta também é o floral, principalmente o black floral. Se na primavera e verão as flores coloridas, em fundos claros, são as queridinhas, no outono e inverno, as flores em cores mais neutras, em fundos escuros, são a bola da vez.  

 

 

 

E aí, preparadas para a chegada do friozinho?  

Beijos,

www.lojastyleme.com.br


Deixe um comentário

Dicas: peças curingas para usar nesse verão temperamental!

E aí, meninas!

Começo do ano, janeiro, férias, tudo isso nos remete ao verão e ao calor, não é mesmo? No entanto, em 2018, essa nossa estação tão amada está um pouco diferente. Apesar de ainda termos muitos dias de calor extremo, temos tido também muitos dias nublados, com chuva e, dependendo da região, até com um certo friozinho! Ah, e não podemos esquecer daqueles dias que fazem sol pela manhã e, à tarde, o tempo muda completamente, e aí chove ou fica com um vento fresquinho até demais! Com toda essa inconstância no tempo, aparece a grande dúvida das mulheres: o que vestir para que eu não sinta nem muito calor e nem muito frio ao longo do dia? Bom, nós organizamos algumas dicas para você sair de casa prevenida!

Vestido de manga 3/4 de tecidos leves são ótimos para dias chuvosos:

 

 

 

Para esses dias de meia-estação, o mais comum e clássico é apostar em blazers e jaquetas. Pela manhã você sai com uma roupa mais fresquinha, pode ser short com blusinha de manga, um vestido de alcinha, basicamente o que quiser. Quando for entardecendo e a temperatura for caindo, é só pegar o blazer na bolsa e jogar por cima. E, se ao final do dia você for para um happy hour ou um jantar com as amigas, pode ainda pegar aquele blazer estampado, colorido, que tem super a cara do verão e ainda não te deixa passar frio! Tem coisa mais prática que isso? 

 

 

 

Conjuntos cropped de manga ou short com blusas de manga também podem ser uma opção alternativa para calor/frio:

 

 

Mas se você não gosta de carregar um peso a mais na bolsa com o blazer, pode optar pelos kimonos, uma tendência que está em alta já há algumas estações. Eles são aqueles casaquinhos mais fininhos, que já dão uma ajuda na hora do friozinho, mas também não te deixa morrendo de calor! Além disso, eles são ótimas opções para dar um up a mais no visual, já que são super estilosos, com estampas diferentes, rendas e até transparências! 

 

 

 

 

Outra opção é apostar no comprimento mais queridinho dos últimos tempos: o midi. Não precisa nem ser antenada em moda para saber que as peças midi estão muito populares nas ruas e nas passarelas. Roupas nesse comprimento podem ser ótimas aliadas para aqueles dias mais fresquinhos, já que não deixam as pernas totalmente à mostra, mas também não são tão pesados quanto peças longas.  

 

 

 

 

No quesito blusas, uma boa alternativa é apostar em mangas mais longas, mas que tenham detalhes que refresquem. Por exemplo, decotes ombro a ombro ou detalhes que deixem os ombros vazados, são opções para quem não aguenta mangas compridas em dias “meio-termo”. Para quem não gosta de usar decotes e recortes, ou até não pode por conta do ambiente de trabalho, uma outra possibilidade é apostar nas mangas ¾, que são mais curtinhas e facilitam nas horas mais quentes! 

 

 

 

Já para as calças, a ideia é deixar de lado aquelas mais quentes e grossas e apostar naquelas com tecidos mais leves, como as de algodão, cetim, crepe e poliamida. Podemos, inclusive, optar por modelos diferenciados de calças que estão fazendo sucesso no mundo da moda, como as pantacourt, jogging de tecidos leves e clochard, que são mais curtinhas, as com modelagem esportiva, mais larguinhas e confortáveis, e também as calças tracker, que contam com fendas nas laterais, e ainda dão uma refrescada nas horas que o calor estiver maior! 

 

 

 

 

 

Curtiram as dicas? Agora podem sair de casa sem medo de sentir frio ou calor!

Beijos

www.lojastyleme.com.br